sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Divulgações e selinhos......

Hey minha lindas eu to aqui pra divulgar alguns blogs...
Bom esses blogs são incriveis.....
São os blogs que eu amo ler...
Então queria dividir com vocês....
http://jemistaystrongandlivelife.blogspot.com   --> Dayane
http://jemienelenaparasempre.blogspot.com/   ---> Larissa
http://rbdsd.blogspot.com/ ---> Bazinha
http://jemi-foreverandalways.blogspot.com/ -->Gaby
http://tutty-histories.blogspot.com/ ----> Mandi
http://jemisemprecomvoce.blogspot.com/ --->Maria Clara


Selinhos....






Blogs.....
http://tutty-histories.blogspot.com/ ----> My First Love
http://jemienelenaparasempre.blogspot.com/ ---> That Shold Be Me
http://rbdsd.blogspot.com/ ---> Inevitável
http://jemisemprecomvoce.blogspot.com/  ---> Angel of Death 2
http://jemi-foreverandalways.blogspot.com/ ---> Diario da Demi

Capitulo 45

Quando eu acordei estava sozinha na cama, sentei e olhei ao redor e encontrei meu pai parado na porta me encarando.
_Bom dia._Eu disse sonolenta.
_Bom dia._Ele sorriu._Vou te esperar na sala.
_Tudo bem.
Depois que ele saiu me levantei e fui em direção ao banheiro.Tomei um banho demorado, não querendo descer eu sabia que ele queria conversar sobre o caso dos lobos.E alguma coisa me dava medo apenas em  pensar.Depois de me vestir desci e encontrei meu pai, o Tyler e o Ryan sentados no sofá conversando mais pararam assim que me viram.Me sentei ao lado do Ryan de frente pro meu pai.
_Então...?_Eu disse encarando meu pai.
_Você já sabe sobre o que vamos conversar, não éh?
_È sei sim.E ainda acho tudo isso uma loucura.
_Eu sei que é.
_Nós também não acreditamos no começo Kate.Era ridiculo demais essa historia de lobos, mais agora parece ser a unica explicação e não são só pessoas que tem morrido, nesses ultimos meses varios vampiros morreram por causa deses "ataques" e o ultimo que morreu foi Andrew Moore.._O Tyler disse me olhando.
_Andrew Moore? Quem é esse?_O Ryan perguntou curioso.
_Uau por essa eu não esperava.Andrew não era o "braço direito" do Dan?_Eu perguntei fazendo careta.
_Esse mesmo._Meu pai disse serio.
_E o que o "grande" Dan Moore fez sobre isso?_Eu perguntei realmente interessada.
_Nada._Julie disse enquanto entrava na sala e se sentava ao lado do Tyler._O "grande" Dan Moore não fez nada.
_Como assim nada? Pensei que ele fosse o poderoso chefão._O Ryan disse ironico.
_Mais ele não fez nada.Uma nova especie surgiu, ninguém sabe nada sobre eles.Não sabemos nem como encontrar um deles quem dirá mata-los.Era esperado que Dan não fizesse nada e se eu o conheço bem ele deve estar escondido em um buraco qualquer.Dan pode ser o valentão dos vampiros mais ele também tem medo do desconhecido.
_E agora?_O Ryan perguntou._O que vocês vão fazer?
_Nós não sabemos, como a Julie disse ninguém sabe nada sobre eles.E começar uma luta agora seria idiotice nós com certeza sairiamos perdendo._Meu pai disse se levantando._È melhor esperarmos.
_Esperarmos? Ta falando serio? Vamos esperar enquanto pessoas inocentes continuam morrendo?_Eu disse incredula.
_Não podemos fazer nada pra ajudar Kate.Nós não sabemos nada sobre esse lobos, mais aparentemente eles sabem tudo sobre nós.Sabem como matar um vampiro, procura-los seria suicidio._O Tyler disse me olhando serio.Bufei inconformada, parecia tudo tão absurdo e ridiculo.
_Bom eu vou sair, andar um pouco, to precisando._Me levantei e fui em direção a porta, mais antes que eu a fechasse ouvi o Ryan me chamar.
_Quer compania?_Ele perguntou sorrindo.
_Claro._Ele veio em minha direção e saimos.
Caminhamos pelas ruas, sua mão envolvida em minha cintura.Fiquei observando as pessoas passando e me peguei imaginando qual delas poderia ser um lobo, e eu sabia que o Ryan também estava pensando a mesma coisa....
Quando saí do banheiro encontrei o Ryan deitado na cama observando o teto em silêncio.Seus pensamentos pareciam tão confusos quanto o meu, me aproximei e me deitei ao seu lado.Ele se virou na minha direção e sorriu, acabei sorrindo devolta.Ele acariciou meu rosto e meus olhos pesaram se fechando quase que por vontade propria querendo sentir mais intensamente seu toque.Mesmo com os olhos fechados eu pude sentir sua aproximidade, sua respiração batendo em meu rosto me fazendo arrepiar.E quando ele selou nossos labios meu coração acelerou era como se ele fosse atravessar meu peito, e as borboletas voavam em meu estomago.Uns minutos depois ele se afastou sorrindo.
_Acho melhor dormimos, amanhã temos aula.
_Tem razão.Boa noite Ryan.
_Boa noite.
Ele me abraçou e logo adormeci.
E outra vez tive um daqueles sonhos mais agora eu não estava fugindo dos olhos azuis, dessa vez eu estava na escola parada no corredor.Olhei tudo a minha volta e tudo parecia normal, fui andando ate o refeitorio e todos estavam como de costume sentados com seus amigos conversando.Quando olhei para o fundo do refeitorio encontrei o Ryan e a Mell sentados lá como em todos os dias, mais hoje tinha uma diferença, havia uma garota sentada ao lado do Ryan ela sorria e conversava animadamente com a Mell que também parecia animada.Aquela garota era a mesma do primeiro sonho, e senti meu coração quebrar quando eles se beijaram.A Mellanie sorriu vendo os dois juntos, e derrepente olhou em minha direção mais seus olhos não tinham expressão nenhuma e depois de uns segundos virou na direção deles e continuou conversando e rindo como se nem houvesse me visto.
Quando acordei estava suada e meu coração ainda estava batendo depressa.O Ryan me olhou assustado e sentou ao meu lado.Eu simplesmente o abracei apertando forte, querendo fazer de algum modo que aquele sonho saisse da minha cabeça.Ele me abraçou forte e sussurrava de vez em quando no meu ouvido que tudo estava bem, e ele tinha razão foi apenas um sonho.Me afastei para olha-lo ele acariciou meu rosto limpando as poucas lagrimas que desciam lentamente pelo meu rosto.E o beijo era tudo que passava pela minha cabeça, eu queria apenas esquecer, ele me amava e era isso que importava.Aquilo não ia acontecer.Me aproximei e o beijei, eu precisava provar pra mim mesma que era apenas um sonho.Ele me deitou e se deitou em cima de mim sem deixar de me beijar.E depois de estarmos completamos nus nós viramos um só enquanto ele dizia que me amava.E eu também o amava.



Julie: Que bom que gostou...Postei...E obrigada pelo selinho..



Bom, eu vou postar o proximo amanhã....
Comentem please....
Beijoe...

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Capitulo 44

_Pai? Tyler? Meninas? O que vieram fazer aqui?
_Ver vocês?_Meu pai disse como se fosse obvio.
_Vovô._A Mell gritou indo em direção ao meu pai e o abraçando.
_Como você está querida?
_Bem vovô.Bom eu vou pro meu quarto._Ela foi em direção a escada e foi pro seu quarto, nós sentamos no sofá.
_Então como vão as coisas por aqui?_Tyler perguntou me encarando.
_Bem, na verdade estão indo bem melhor do que eu pensei._O Ryan disse se sentando do meu lado.
_Então como foi na Italia?_Eu disse realmente curiosa.
_Incrivel, a Italia é linda vocês deviam ir lá._Julie disse dando um sorriso meio forçado, ela estava meio nervosa e eu via isso.
_Mais vocês não vieram ate aqui só pra me contar o quanto é maravilhoso morar na Italia não éh? Aconteceu alguma coisa?_Eu disse encarando meu pai.
_Sim, aconteceu.
_E o que foi?
_Bom, nós ainda não temos certeza, mais acreditamos que exista outro tipo de clã.
_Como assim pai, outro tipo de vampiro?
_Não querida, não estamos falando de vampiros mais sim de lobisomens.
_Lobisomens? Tá falando serio? Lobisomens não existem.Não podem existir._Eu disse me levantando e indo em direção a janela.O Tyler se levantou e foi em minha direção.
_Coisas estranhas tem acontecido Kate. Estranhas demais.
_Como assim estranhas?_O Ryan perguntou muito confuso.
_Tem ocorrido mortes estranhas.Começou em cidades pequenas e agora está em todas as partes.A vitima tem sempre arranhões pelo corpo, e sempre encontram pegadas perto dos corpos, pegadas de lobos.
_Talvez sejam apenas lobos ou ursos._Eu disse dando de ombro.
_Sei que parece estranho mais não são apenas animais, tem acontecido em varios lugares e com muita frequencia.Houve um caso parecido aqui em Paris a uns dois atras e fico surpreso que você não tenha ouvido falar sobre isso, foi uma garota de 16 anos ela estava voltando da escola quando foi atacada.
_Eu ouvi algo sobre isso na escola._O Ryan comentou interessado.
_Deve ter sido um humano qualquer, lobisomens não existem.
Saí irritada e fui pro quarto, da onde eles tiraram essa historia idiota? Lobisomens não existem.Me joguei na cama e fiquei encarando o teto.Me lembrei dos sonhos que tive e um arrepio me correu pela espinha.Eram apenas sonhos, sonhos que nunca iriam acontecer.Meus sonhos estavam errados dessa vez.
Ouvi o barulho da porta sendo aberta quando olhei vi a Mell me olhando.
_Posso entrar?
_Claro._Ela entrou e se sentou do meu lado.
_Você ta preocupada com alguma coisa?
_Não, eu to bem.
_Não ta bem, eu sei disso.Eu sinto isso._Ela disse colocando a mão em seu peito._Aqui.
_Eu to bem Mell, e agora você tem que se arrumar ou vai se atrasar pra ir ao cinema com suas amigas.
_Tem razão.Eu vou me arrumar._Ela saiu apresada.
Deitei e voltei a encarar o teto.Tudo esta estranho demais, lobisomens? Isso não pode ser real.Aqueles sonhos não podem ser reais.Depois de um tempo acabei adormecendo.....E naquela noite eu sonhei com os dois lobos e isso estava me assustando ate a alma..










Gente eu sei que ta uma merda...
Mais eu queria postar...Ja que tem uns dias que não posto...
Beijoe...

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Capitulo 43

Quando eu acordei eu ainda estava nos braços do Ryan, o que me confortou depois de um sonho perturbador.Aqueles olhos azuis me fizeram ter arrepios e pensar neles agora fez com que meu coração batesse descompensamente, meus olhos se encheram de lagrimas, não foi nada agradavel o sonho que tive e estava rezando pra que não passasse de um sonho.Fora de longe o sonho mais assustador que já tive, e senti meu estomago revirar só em pensar na possibilidade daquilo realmente acontecer.Senti os braços do Ryan me apertando mais forte enquanto ele abria os olhos e quando suas mãos se afastaram da minha cintura bufei em frustração.Ele se sentou na cama e passou as mãos no rosto tentando despertar, e o olhando agora não pude deixar de pensar no sonho que tive, quando ele estava com outra garota, eu podia sentir seu coração bater depressa, sua respiração ofegante.Ele estava divido entre uma humana e a vampira, e lembrar dele a beijando fez com que meu coração se apertasse, me fez simplesmente querer desaparecer.Quando ele me olhou seus olhos ficaram preocupados, ele se aproximou e tocou meu rosto delicada e suavemente e foi quando percebi que já estava chorando.Eu me joguei em seus braços desejando que ele me fizesse esquecer aquela dor, aqueles olhos que me perturbavam.Ele apenas me abraçou forte e acariciou meus cabelos.
_O que aconteceu amor?_Não consigui responder, só deixei que as lagrimas continuassem a descer.Um tempo depois senti meu coração voltar a bater em seu ritmo normal e as lagrimas secaram.Me afastei um pouco pra olhar em seus olhos, eles me transmitiam carinho e compreensão, e por um instante eu tive a convicção de que fora apenas um pesadelo e não passaria disso, mais no segundo depois o sonho voltara à minha cabeça fazendo meu coração se encher de medo e desespero.
_Ei o que foi?_Ele disse enquanto fazia carinho em meu rosto, bufei ao me arrepiar com seu toque.E agora tudo parecia estar bem, ele estava ali e era isso que importava.Sonho nenhum me faria duvidar disso, foi apenas um sonho, o nosso amor era real e eu sabia disso.
_Não foi nada.
_Não me pareceu ser nada.Não confia em mim?_Suspirei derrotada.
_Foi só um sonho ruim, não quero falar sobre isso.
_Tudo bem._Ele se aproximou e deu um beijo em minha testa._È melhor irmos nos arrumar ou vamos nos atrasar.
_Tem certeza que não prefere se atrasar?_Disse enquanto me sentava em seu colo envolvendo sua cintura com minhas pernas.Ele se aproximou mais e selou seus labios nos meus, ele acariciou minha coxa a apertando de fez em quando fazendo com que eu gemesse em seus labios.Ele apertou mais minhas pernas em sua cintura e levantou e foi me levando em direção ao banheiro, e depois de tirar nossas roupas ele penetrou em mim, me levando ao...., bom acho que céu não seria a palavra certa, aqui estava quente demais pra se tornar o céu, paraíso ou qualquer coisa do tipo, acho que esta mais para o inferno e sinceramente ele ate que me agrada.
Depois do nosso banho, nos arrumamos e descemos em direção a sala, assim que chegamos encontramos a Mell sentada no sofá batendo o pé no chão, sinal que estava impaciente.
_Pensei que não fossem mais descer, vamos chegar atrasados.E eu tenho coisas importantes pra fazer.
_Tipo?_Eu perguntei desinteressada.
_Tipo ver os gatos do time de basquete, hoje é o jogo.
_Jogo? Depois da aula?_O Ryan perguntou me abraçando por trás.
_Não hoje não vai ter aula.
_O que? Eu me arrumei pra ir assistir um jogo idiota e que eu com certeza vou dormir logo no começo? Eu poderia estar fazendo outra coisa mais importante agora.
_Tipo?_O Ryan perguntou com um sorriso malicioso.Eu revirei os olhos e bufei.
_Tipo dormir, eu to cansada.
_Ah! Para de reclamar e vamos logo._A Mellanie disse irritada.Fala serio, era eu que deveria estar irritada.
_Tá vamos.
No meio do caminho encontramos algumas amigas da Mellanie, infelizmente, não que eu não gostasse de ver minha filha com as suas amigas mais elas eram um tanto quanto superficiais estavam sempre falando sobre caras interessantes e quando viam alguma menina que estava com alguma roupa "fora de moda" elas riam e se setiam as maiorais o que me dava nos nervos e sem tirar o fato de que elas estavam dando em cima do Ryan como se eu nem ao menos estivesse ali senti uma vontade enorme de mata-las.E o Ryan pareceu perceber, riu divertido da minha expressão de raiva.Quando finalmente chegamos agradeci mentalmente por elas irem atrás dos meninos do time.Eu e o Ryan fomos ate o refeitorio e nos sentamos em uma mesa qualquer.
_Que garotas estupidas.Fala serio elas são tão futeis quanto uma barbie de plastico.Eu poderia joga-las em uma lixeira qualquer e estaria fazendo um favor e tanto pro planeta.
_Como você é má._O Ryan riu e me abraçou de lado._E muito ciumenta também.
_Ciumenta? Eu?
_Não imagina._Ele disse totalmente sarcastico.Eu ri de sua expressão e o sinal bateu.
_Vem vamos logo pro jogo.
Nós fomos ate a qaudra onde já estava cheia, cheia demais pro meu gosto.Sentamos na arquibancada e esperamos que o jogo começasse logo e quando o time tava entrando vi um cara um tanto quanto "grande".
_Quem é aquele?_Eu disse apontando pro cara.
_O tecnico?_Ele respondeu como se fosse obvio e acabei percebendo que era mesmo obvio já que estava escrito em sua camisa bem grande pra que todos le-sem Técnico.
_Uau ele é grande._Ele disse o olhando boquiaberta e olhei para o Ryan comparando os dois.O Ryan era musculoso mais aquele cara era bem mais muscoloso ate mesmo que qualquer um dos jogadores._È assustador._Eu comentei olhando seu rosto completamente serio, eu não gostaria de encontra-lo irritado.
_Seria engraçado encontra-lo irritado.
_Engraçado?_Eu perguntei o encarando._Tá brincando, deve ser assustador.
_Esta com medo?_Ele desafiou enquanto se aproximava.
_Nunca querido._Me aproximei mais e nos beijamos.Um tempo depois o jogo começou apoiei minha cabeça em seu ombro, tentei prestar atenção no jogo mais meus olhos começaram a pesar então tudo ficou escuro.
Quando abri os olhos eu estava na floresta olhei em volta procurando por algo, ou alguém mais não havia nada.Apenas eu e o barulho do vento batendo nas arvores.Caminhei tentando achar alguma coisa, e derrepente bati em algo e acabei me desiquilibrando e caí no chão.Quando olhei pra frente meu coração começou a bater rapido, rapido demais.Era um tipo de lobo eu sei lá, só sei que ele era grande e seus olhos azuis me davam arrepio na espinha e não era uma sensação que alguém queira sentir.Eu me levantei e saí correndo, não sabia muito bem o que estava fazendo ou o que ia acontecer só sabia que eu ficaria bem se estivesse bem longe dele.Então continuei correndo enquanto ele rosnava atrás de mim, eu não vi um galho que estava caido ou proporcionalmente colocado ali pra me ferrar e tropecei.Eu estava caida no chão enquanto ele se aproximava meu coração batia tão depressa que eu acabei esquecendo como se fazia pra respirar, ele estava perto demais e quando ele estava pronto pra me devorar ouvi um barulho vindo das arvores ao lado, e ele pareceu escutar também já que virou o rosto pra olhar e se afastou um pouco e derrepente saiu outro lobo de lá e pensei que estava mesmo ferrada e que morreria, mais quando olhei em seus olhos fui invadida por uma sensação de segurança e de algum jeito bem estranho sabia que ele me protegeria.O lobo branco de olhos azuis rosnou pro outro e voltou a atenção pra mim e quando ia me atacar ouvi alguém chamando meu nome.
Quando abri os olhos tive vontade de gritar mais o grito ficou preso em minha garganta.Eu podia sentir meu coração bater descompensado quando olhei pro lado lá estava o Ryan me olhando esperando que eu me acalmasse era sempre assim quando eu tinha um sonho que me perturbava ele esperava que eu me acalmasse e depois quando eu me acalmava ele esperava que eu contasse o que aconteceu mais quando eu simplesmente dizia que não queria falar sobre o assunto ele entendia ou pelo menos fingia entender.Depois de algum tempo ele me abraçou e eu voltei a respirar tranquilamente.E quando o jogo acabou nos fomos pra casa e quando chegamos em casa fiquei surpresa ao encontrar meu pai, o Tyler,Mary e Julie sentado na minha sala.
_Pai?....








Bom gente espero que gostem.....
Comentem pra me inspirar....
Beijoe....

sábado, 3 de dezembro de 2011

Capitulo 42

Eu estava jogada na cama, já haviam se passado duas semanas desde que entramos na escola.Tudo estava diferente do que eu havia imaginado.O Jake havia se tornado um grande amigo.E hoje eu e ele iriamos ate sua casa, não sei porque mais ele queria que eu conhecesse sua mãe.Na verdade eu fiquei contente, seria legal conhecer a familia do Jake.Depois de me arrumar, desci as escadas e encontrei o Ryan sentado em um sofá e o Jake em outro.O Ryan não tava com uma cara muito boa.
_Oi gente.
_Oi._Eles disseram juntos.
_Então vamos?_Jake perguntou se levantando.
_Vamos.
Nós fomos ate a porta e saimos.Quando entramos no carro, pude ouvir de longe os pensamentos do Rya.Meu Deus como ele é ciumento.
_Sera que você pode esperar um minuto? Esqueci uma coisa._Eu disse sorrindo.
_Claro.
Saí do carro e fui em direção a casa, assim que entrei encontrei o Ryan sentado no sofá de olhos fechados.Encostei a porta com cuidado e fui lentamente em sua direção tentando não fazer barulho, deixei a bolsa no sofá ao lado e me sentei no seu colo com as pernas envolvendo sua cintura.Ele abriu os olhos e me encarou.
_Não ia sair?_O beijei ignorando sua pergunta.Ele me apertou mais contra si me fazendo dá um leve gemido em sua boca, ele riu.Me separei e sorri.
_Eu preciso ir.Prometo não demorar.
_Tudo bem._Ele se aproximou outra vez e selou nossos labios.
_Tchau._Me levantei e saí.
Assim que entrei no carro o Jake me olhou e começou a rir.Oi? Acho que perdi alguma coisa.
_O que foi? Porque ta rindo?
_Seu batom._Ele disse apontando pra propria boca ainda rindo.Olhei no espelho e meu batom estava todo borrado.Limpei e o olhei.
_Ta melhor?
_Ta.
Durante o caminho conversamos sobre varias coisas, e quando eu estava com Jake era como se ele não fosse só um amigo, era muito mais do que isso.Como se fosse meu irmão, sei lá.Quando chegamos fomos recebidos por um homem bem bonito por sinal e muito parecido com o Jake.
_Kate esse é Scott, meu pai.
_È um prazer conhece-lá querida.
_O prazer é todo meu Sº Scott.
_Sem o Senhor, eu não sou tão velho assim.Só tenho 450 anos._Rimos disso.Quando chegamos na sala encontramos uma mulher com um vestido vermelho, a cor de sua pele palida combinava perfeitamente com o vestido.Seus cabelos escuros e lisos caiam sobre seu ombro e seus olhos eram cinzas, como os meus.
_Kate essa é a minha mãe.
_Olá._Eu disse um pouco envergonhada.
_Olá querida.Não fique envergonhada, sente-se por favor._Ela disse apontando para o sofá.
_Obrigadaa..._Eu disse esperando que ela me dissesse seu nome.
_Elizabeth.
_Obrigada Elizabeth.
_Então Jake me disse que você tem uma filha.
_Sim.
_Como ela se chama?
_Mellanie, mais ela não gosta que a chamem assim ela prefere que a chamem de Mell.
_È um lindo nome.
_Obrigada.Desculpa mais seus olhos são..._Ela me interrompeu.
_Estranhos? Diferentes? Bizarros?_Ela disse fazendo uma careta.
_Eu prefiro dizer que são encantadores._O Scott a olhou e sorriu.
_Na verdade eu ia dizer que são como os meus.E eu não acho estranho, diferente ou bizarro.No começo me incomodava um pouco e eu usava lentes, mais o Ryan gosta deles assim._Suspirei em pensar nas vezes em que o Ryan dizia o quanto amava meus olhos.Eu devia estar com um sorriso estupido no rosto, como sempre ficava quando falo do Ryan, mesmo depois de tanto tempo juntos.Elizabeth me olhou e sorriu gentilmente.
_E ele tem toda razão querida, eles são lindos.
O resto da tarde foi incrivelmente incrivel, Elizabeth, foi o nome que continuou em minha cabeça mesmo depois de estar deitada ao lado do Ryan.Algo nela me é tão familiar, me senti tão bem com eles.Como se eles completassem alguma parte de mim que viveu vazia durante todos esse anos.
_O que foi Kate? Ta tão pensativa._Ele disse acariciando meu cabelo.
_Não é nada.
_Tem certeza?
_Tenho._Empurrei mais meu corpo pra que ele me abraçasse mais forte._Eu amo você.
_Também amo você.
Fechei os olhos e uns minutos depois adormeci.E naquela noite eu tive um sonho estranho, um sonho anormal de todos que eu já tive.Meu coração estava despedaçado, coisas estranhas acontecendo, tudo embaralhado.Um mundo de falsas esperanças me mostrando a verdade, e descubri que pesadelos podem se tornar sua realidade.








Bom, gente ta aí o capitulo.......
Espero que gostem......
Beijemi.....

De volta *...*

Oi meninas sei que fiquei um tempo sem postar.....
Mais eu to de volta....
Alguém aí tava com saudades?
Eu tava morrendo de saudade de vocês.....
Prometo que agora vou postar muito......
Vou tentar postar o 2 capitulo hoje ainda.......
Espero que ninguém esteja me odiando....
Eu queria agradecer por todas que leram e comentaram o 1 capitulo......
Espero que tenham gostado....
E bom queria pedir que vocês seguissem o blog da Elizabeth.....
È otimo.....Eu li e é muito bom.....http://just-my-jemi-wonderland.blogspot.com/
Ta no começo...Mais sério eu amei......
Muito lindinho o jeito que ela escreve.......
E Ah! Liz(Posso te chamar assim?) Posta Logo to curiosa pra saber o que vai acontecer....
Bom estrelinhas comentem muito........Pra mim ter inspiração.....
Beijoe......