sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

Capitulo 45

Quando eu acordei estava sozinha na cama, sentei e olhei ao redor e encontrei meu pai parado na porta me encarando.
_Bom dia._Eu disse sonolenta.
_Bom dia._Ele sorriu._Vou te esperar na sala.
_Tudo bem.
Depois que ele saiu me levantei e fui em direção ao banheiro.Tomei um banho demorado, não querendo descer eu sabia que ele queria conversar sobre o caso dos lobos.E alguma coisa me dava medo apenas em  pensar.Depois de me vestir desci e encontrei meu pai, o Tyler e o Ryan sentados no sofá conversando mais pararam assim que me viram.Me sentei ao lado do Ryan de frente pro meu pai.
_Então...?_Eu disse encarando meu pai.
_Você já sabe sobre o que vamos conversar, não éh?
_È sei sim.E ainda acho tudo isso uma loucura.
_Eu sei que é.
_Nós também não acreditamos no começo Kate.Era ridiculo demais essa historia de lobos, mais agora parece ser a unica explicação e não são só pessoas que tem morrido, nesses ultimos meses varios vampiros morreram por causa deses "ataques" e o ultimo que morreu foi Andrew Moore.._O Tyler disse me olhando.
_Andrew Moore? Quem é esse?_O Ryan perguntou curioso.
_Uau por essa eu não esperava.Andrew não era o "braço direito" do Dan?_Eu perguntei fazendo careta.
_Esse mesmo._Meu pai disse serio.
_E o que o "grande" Dan Moore fez sobre isso?_Eu perguntei realmente interessada.
_Nada._Julie disse enquanto entrava na sala e se sentava ao lado do Tyler._O "grande" Dan Moore não fez nada.
_Como assim nada? Pensei que ele fosse o poderoso chefão._O Ryan disse ironico.
_Mais ele não fez nada.Uma nova especie surgiu, ninguém sabe nada sobre eles.Não sabemos nem como encontrar um deles quem dirá mata-los.Era esperado que Dan não fizesse nada e se eu o conheço bem ele deve estar escondido em um buraco qualquer.Dan pode ser o valentão dos vampiros mais ele também tem medo do desconhecido.
_E agora?_O Ryan perguntou._O que vocês vão fazer?
_Nós não sabemos, como a Julie disse ninguém sabe nada sobre eles.E começar uma luta agora seria idiotice nós com certeza sairiamos perdendo._Meu pai disse se levantando._È melhor esperarmos.
_Esperarmos? Ta falando serio? Vamos esperar enquanto pessoas inocentes continuam morrendo?_Eu disse incredula.
_Não podemos fazer nada pra ajudar Kate.Nós não sabemos nada sobre esse lobos, mais aparentemente eles sabem tudo sobre nós.Sabem como matar um vampiro, procura-los seria suicidio._O Tyler disse me olhando serio.Bufei inconformada, parecia tudo tão absurdo e ridiculo.
_Bom eu vou sair, andar um pouco, to precisando._Me levantei e fui em direção a porta, mais antes que eu a fechasse ouvi o Ryan me chamar.
_Quer compania?_Ele perguntou sorrindo.
_Claro._Ele veio em minha direção e saimos.
Caminhamos pelas ruas, sua mão envolvida em minha cintura.Fiquei observando as pessoas passando e me peguei imaginando qual delas poderia ser um lobo, e eu sabia que o Ryan também estava pensando a mesma coisa....
Quando saí do banheiro encontrei o Ryan deitado na cama observando o teto em silêncio.Seus pensamentos pareciam tão confusos quanto o meu, me aproximei e me deitei ao seu lado.Ele se virou na minha direção e sorriu, acabei sorrindo devolta.Ele acariciou meu rosto e meus olhos pesaram se fechando quase que por vontade propria querendo sentir mais intensamente seu toque.Mesmo com os olhos fechados eu pude sentir sua aproximidade, sua respiração batendo em meu rosto me fazendo arrepiar.E quando ele selou nossos labios meu coração acelerou era como se ele fosse atravessar meu peito, e as borboletas voavam em meu estomago.Uns minutos depois ele se afastou sorrindo.
_Acho melhor dormimos, amanhã temos aula.
_Tem razão.Boa noite Ryan.
_Boa noite.
Ele me abraçou e logo adormeci.
E outra vez tive um daqueles sonhos mais agora eu não estava fugindo dos olhos azuis, dessa vez eu estava na escola parada no corredor.Olhei tudo a minha volta e tudo parecia normal, fui andando ate o refeitorio e todos estavam como de costume sentados com seus amigos conversando.Quando olhei para o fundo do refeitorio encontrei o Ryan e a Mell sentados lá como em todos os dias, mais hoje tinha uma diferença, havia uma garota sentada ao lado do Ryan ela sorria e conversava animadamente com a Mell que também parecia animada.Aquela garota era a mesma do primeiro sonho, e senti meu coração quebrar quando eles se beijaram.A Mellanie sorriu vendo os dois juntos, e derrepente olhou em minha direção mais seus olhos não tinham expressão nenhuma e depois de uns segundos virou na direção deles e continuou conversando e rindo como se nem houvesse me visto.
Quando acordei estava suada e meu coração ainda estava batendo depressa.O Ryan me olhou assustado e sentou ao meu lado.Eu simplesmente o abracei apertando forte, querendo fazer de algum modo que aquele sonho saisse da minha cabeça.Ele me abraçou forte e sussurrava de vez em quando no meu ouvido que tudo estava bem, e ele tinha razão foi apenas um sonho.Me afastei para olha-lo ele acariciou meu rosto limpando as poucas lagrimas que desciam lentamente pelo meu rosto.E o beijo era tudo que passava pela minha cabeça, eu queria apenas esquecer, ele me amava e era isso que importava.Aquilo não ia acontecer.Me aproximei e o beijei, eu precisava provar pra mim mesma que era apenas um sonho.Ele me deitou e se deitou em cima de mim sem deixar de me beijar.E depois de estarmos completamos nus nós viramos um só enquanto ele dizia que me amava.E eu também o amava.



Julie: Que bom que gostou...Postei...E obrigada pelo selinho..



Bom, eu vou postar o proximo amanhã....
Comentem please....
Beijoe...

2 comentários:

  1. hey será que vc poderia divulgar o meu blog ? :) http://jemistaystrongandlivelife.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. AMEI!!!
    Você merece esse selinho,seu blog é incrivel!!!
    To curiosa pro proximo capitulo!!!
    Posta logo!!!
    Bjs!

    ResponderExcluir

Quer me deixar feliz*---*?...Comenta aí..